Ensaios poéticos

Postagens populares

Caatinga/ mandacaru em flores

Caatinga/ mandacaru em flores

Árvores da Caatinga

Árvores da Caatinga
Mufumbo florido

Visitantes

terça-feira, 10 de agosto de 2010

Voz poética de Fátima Carvalho (Poetisa da Caatinga) Cel. João Pessoa / São Miguel

Lamentos da Caatinga

Ah! Chuva que me falta!
Banha-me lentamente
Com tuas gotas cristalinas
E me faz sentir bem forte
Cheiro de terra molhada
E tudo que é vivo acordar

Ah! Chuva que me falta!
Vem logo! E faz em mim
Brotar as muitas sementes
Que o vento trouxe de longe
E com carinho depositou
Em meu frágil corpo

Ah! Chuva que me falta!
Faz descer a tua nuvem
Com tuas gotas preciosas
E venha alegrar o lavrador
Que de mim tão bem cuidou
Até que suas mãos calejou

Ah! Chuva que me falta!
Não demore tanto assim
Sem você fico tão cinza
E as vidas fogem de mim
Ou resolvem adormecerem
Até a sua nuvem enfim chegar

Ah! Chuva que me falta!
Mostra o relâmpago no horizonte
E a noite... Por favor! Nos atenda
Ordene que ele venha com trovões
Fazendo descer suas águas benditas
E nos traga depressa a alegria!

Ah! Chuva que me falta!
Sou caatinga adormecida
Esperando a tua vinda
Pra renascer a vida em mim
Meus rebentos estão sofrendo
Só porque você não vem...

Carvalho/28.09.09
Texto da minha obra "Retratos Sentimentais da Vida na Caatinga"